DERMATITES

Características principais e sintomas

 

Há diversos tipos de dermatites, entre as mais comuns está a dermatite de contato – uma reação inflamatória à exposição a algum produto que cause alergia, e a irritação pode aparecer instantaneamente ou após um tempo – e a dermatite alergênica – resultado da exposição a uma substância a qual a pessoa seja sensível.

 

No caso da dermatite de contato, as irritações ou sensibilidade na pele podem ocorrer após o uso prolongado de algum produto ou substância que não costumavam causar reações, por exemplo, contato prolongado com metal de bijuterias e produtos cosméticos.

 

As irritações na dermatite de contato podem ser leves, em forma de vermelhidão ou aspereza na pele, ou mais graves, em forma de feridas. No caso da dermatite alérgica, as lesões podem ficar inchadas, com bolhas e formar crostas.

Causas

 

As dermatites podem estar relacionadas à predisposição genética, à obesidade e à exposição a fatores externos, como calor e  umidade, ingestão de alimentos condimentados ou outros para os quais há sensibilidade, além de uso de roupas de tecidos sintéticas e bijuterias e acessórios com metais na composição. Algumas alergias, por exemplo, alergia a níquel tem piora em fumantes.

 

Diagnóstico e Tratamento
 
O diagnóstico deve ser feito em consultório médico e pode basear-se na aparência da pele, histórico de exposição a um determinado produto ou substância, por meio da realização de teste de alergia e sensibilidade na pele e, ainda, por meio de biópsia da lesão.
 
Uma investigação cuidadosa possibilita ao médico dermatologista a prescrição de um tratamento individualizado para maior sucesso no combate às dermatites. Para o tratamento podem ser indicados cremes e pomadas para redução da inflamação e ainda medicamentos orais.  
 
Alguns cuidados importantes para portadores de Dermatites:

 

  • Entre os produtos e substância que mais causam alergia estão: metais, como níquel, presentes em bijuterias e acessórios; cosméticos e perfumes; detergentes; tecidos sintéticos; produtos químicos, plantas e antibióticos.  

  • Evitar fumo também pode ajudar.

 

 

Mais informações sobre Dermatites:

http://www.sbd.org.br/doencas/dermatite-de-contato/ 

Eliandre Palermo Dermatologia

Fato importante:

Evitar exposição às substâncias alergênicas mais conhecidas.